Concurso Público TRT 3ª Região 2019

O TRT 3ª Região breve anunciará a abertura de um novo concurso público a fim de prover cargos de nível médio e superior. Veja abaixo as principais informações como número de Vagas, Requisitos, Edital e Inscrições e fique por dentro de tudo sobre o concurso público para a TRT 3ª Região 2019.

Requisitos Concurso Público TRT 3ª Região 2019

Os requisitos básicos para a inscrição no Concurso Público TRT 3ª Região 2019 são: ter, no mínimo, 18 anos de idade; ter nacionalidade brasileira ou portuguesa. Sendo a nacionalidade portuguesa, é preciso observar se preenche os requisitos exigidos no estatuto de igualdade entre portugueses e brasileiros, e estar no gozo dos direitos políticos, conforme determina o art. 12, § 1º da Constituição Federal; verificar se preenche as exigências para ocupação do cargo que pretende concorrer; ter carteira de identidade civil; estar quite com o Serviço militar (candidatos do sexo masculino); estar quite com Justiça Eleitoral; e, no caso de aprovação no concurso público, outros requisitos constantes no edital, gerais e específicos, devem ser observados.

Concurso Público TRT 3ª Região 2019 – Vagas

Para o concurso público da TRT 3ª Região 2019 deverão ser ofertadas, segundo as expectativas, mais de 150 vagas para cargos de nível médio e superior.

Concurso Público TRT 3ª Região 2019 – Edital


O TRT 3ª Região deverá realizar o novo concurso através da Fundação Carlos Chagas (FCC), sendo que o edital estará disponível no site, cujo link é http://www.concursosfcc.com.br/

Salário para o Concurso TRT 3ª Região 2019

A remuneração para provimento dos cargos na TRT 3ª Região deverá ser em torno de R$ 5.400,00 para cargos de nível médio, e R$ 8.900,00 para cargos de nível superior.

Provas Concurso TRT 3ª Região 2019

As provas a que serão submetidas os candidatos deverão ser objetivas e discursivas, de caráter eliminatório e classificatório.

Concurso Público TRT 3ª Região 2019 – Inscrições

As inscrições para o concurso público TRT 3ª Região deverão ocorrer no primeiro ou segundo semestre do ano de 2019, a depender do trâmite para divulgação do certame.

Os valores das inscrições também não foram divulgadas, devendo o candidato ficar atendo quando da publicação do edital.

O candidato que possuir deficiência deverá declarar no momento da inscrição a necessidade de realizar o certame com ledor ou prova ampliada e/ou informar dificuldade de locomoção.

Havendo a necessidade de fiscal ledor, este também irá transcrever as respostas do candidato para o cartão-resposta.

No caso de candidato que marcar a opção de deficiente visual (parcial) na inscrição, fará a prova que será confeccionada em letras ampliadas. Se houver necessidade, a prova será confeccionada em linguagem Braile.

Os portadores de deficiência auditiva, e que declararem essa condição no momento da inscrição, poderão fazer a prova com uso de aparelho auricular.

Preparação para o Concurso TRT 3ª Região 2019

Abaixo iremos mostrar alguns pontos que devem ser estudados, em termos de conhecimentos gerais e específicos para os cargos do concurso público da TRT 3ª Região 2019, lembrando que o edital deve ser atentamente lido, pois a matéria pode ser modificada.

  • Língua Portuguesa

Domínio da ortografia oficial. Emprego da acentuação gráfica. Emprego dos sinais de pontuação. Flexão nominal e verbal. Pronomes: emprego, formas de tratamento e colocação. Domínio dos mecanismos de coesão textual. Emprego de tempos e modos verbais. Vozes do verbo. Concordância nominal e verbal. Regência nominal e verbal. Sintaxe. Redação (confronto e reconhecimento de frases corretas e incorretas). Compreensão e interpretação de textos de gêneros variados. Reconhecimento de tipos e gêneros textuais. Adequação da linguagem ao tipo de documento. Adequação do formato do texto ao gênero.

  • Direito Constitucional

Constituição: princípios fundamentais. Aplicabilidade e interpretação das normas constitucionais; vigência e eficácia das normas constitucionais. Controle de constitucionalidade: sistemas difuso e concentrado; ação direta de inconstitucionalidade; ação declaratória de constitucionalidade e arguição de descumprimento de preceito fundamental. Direitos e garantias fundamentais: direitos e deveres individuais e coletivos; direitos sociais; direitos de nacionalidade; direitos políticos. Organização político-administrativa: competências da União, estados e municípios. Administração pública: disposições gerais; servidores públicos. Organização dos Poderes. Poder Executivo: atribuições e responsabilidades do presidente da república. Poder Legislativo: processo legislativo; fiscalização contábil, financeira e orçamentária. Poder Judiciário: disposições gerais; Supremo Tribunal Federal; Superior Tribunal de Justiça; tribunais regionais federais e juízes federais; dos tribunais e juízes do trabalho. Funções essenciais à Justiça: Ministério Público; Advocacia Pública; Advocacia e Defensoria Públicas.

  • Regimento Interno do TRT 3ª Região

Título I – Do Tribunal: Capítulo I – Disposições Preliminares; Capítulo II – Da Organização do Tribunal; Capítulo III – Do Tribunal Pleno; Capítulo IV – Do Órgão Especial; Capítulo V – Do Presidente do Tribunal; Capítulo VI – Das 1ª e 2ª Vice-Presidências; Capítulo VII – Da Corregedoria: Seção I – Da Secretaria da Corregedoria, Seção II – Da Competência do Corregedor e do Vice – Corregedor. Título II – Da Ordem de Serviço no Tribunal: Capítulo I – Do Cadastramento e da Distribuição de Processos; Capítulo II – Do Relator e do Revisor; Capítulo III – Das Pautas de Julgamento; Capítulo IV – Das Sessões; Capítulo V – Dos Acórdãos; Capítulo VI – Da Execução contra a Fazenda Pública. Título IV – Das Comissões: Capítulo I – Das Disposições Gerais; Capítulo II – Da Comissão de Regimento Interno; Capítulo III – Da Comissão de Jurisprudência; Capítulo IV – Da Comissão de Informática; Capítulo V – Da Comissão de Planejamento Estratégico. Título V – Dos Serviços Administrativos.

Dos Cargos do Concurso TRT 3ª Região 2019

Abaixo informaremos as atribuições de alguns dos cargos que deverão constar no novo edital, devendo o candidato ficar atento quando da publicação deste para ter acesso completo a todas as áreas de atuação e atribuições.

Analista Judiciário – Área Judiciária (nível superior): entre as diversas atribuições estão a de analisar petições e processos, confeccionar minutas de votos, emitir informações e pareceres; proceder a estudos e pesquisas na legislação, na jurisprudência e na doutrina pertinente para fundamentar a análise de processo e emissão de parecer; fornecer suporte técnico e administrativo aos magistrados, órgãos julgadores e unidades do Tribunal; inserir, atualizar e consultar informações em base de dados; verificar prazos processuais; atender ao público interno e externo; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.
Técnico Judiciário – Área Administrativa (nível médio): entre as diversas atribuições estão a de prestar apoio técnico e administrativo pertinente às atribuições das unidades organizacionais; executar tarefas de apoio à atividade judiciária; arquivar documentos; efetuar tarefas relacionadas à movimentação e à guarda de processos e documentos; atender ao público interno e externo; classificar e autuar processos; realizar estudos, pesquisas e rotinas administrativas; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *